Arquivo mensal: abril 2011

Minha mais nova filhota

Padrão

Eu agora tenho uma nova filhota: a Jullie!!!

Há 03 meses ela chegou pra animar a nossa casa, e estamos amando sua alegria, seu carisma, sua meiguice. Ela é fofa demais!

Bem, na verdade, trata-se de uma linda cadelinha yorkshire de 04 aninhos. Ela era do meu pai, que por algum motivo (não sei qual) resolveu doá-la pra gente.

Eu sempre quis ter um cachorrinho e sempre quis que fosse uma raça pequena, mas o Fernando sempre foi contra e dizia que seria apenas mais trabalho e mais despesas, que as crianças ainda eram muito pequenas, etc.

Mas como agora elas já estão maiorzinhas, e além disso foi meu pai que resolveu dar, minha chance de ouro chegou, pois não tinha como ele não aceitar, rsrs.

Então, depois que nós voltamos lá do ES, em 27 de dezembro, ela veio com a gente. A princípio, tive medo das crianças não interagirem com ela, não gostarem dela tanto quanto ela merece ou coisa assim. Mas felizmente a cada dia não só elas mas todos nós, nos afeiçoamos mais à ela. Até os outros familiares adoram a danadinha, mesmo porque ela é super carismática: muito carinhosa, meiga, adora um carinho, não fica enchendo o saco. Pra se ter uma idéia, nem minha mãe, que também era uma das minhas preocupações, não cria caso com a Jullie, porque ela é realmente muito fofa.

Talvez por ter sido criada por adultos, ela adora todos, mas tem um apego maior a mim;Cachorro tem dessas coisas, cismam que alguém da família é o chefe da matilha, rsrsrs. Ou seja, onde eu vou ela vai atrás, literalmente. É muito engraçadinho! Ela pode estar deitada, tirando um cochilo, que basta eu levantar de onde estou pra ela acordar e sair correndo atrás. Infelizmente ela não gosta de brincar como os cães criados com crianças, então não corre pra pegar bolinha, nem pra seguir ninguém, coisas do tipo; E também não sabe nenhum truque, e creio que nessa altura do campeonato ela não irá mais aprender (a não ser se a levássemos em um adestrador profissional), mas de toda forma ela é uma graça.

Olha que lindinha: